Lista

Rev. Econ. Contemp., v. 19, n. 2, mai./ago. 2015

O capital fictício e crise econômica: visões para um novo paradigma

 Download
Autor(es): Joanílio Rodolpho Teixeira; Paula Felix Ferreira.

Resumo: Este artigo tem o propósito inicial de conceituar o que é capital fictício e questionar seu papel na narrativa econômica ortodoxa. Outro objetivo é demonstrar os efeitos prejudiciais deste capital no Brasil. O capital fictício é toda rentabilidade proveniente da valoração derivada e artificial de um capital aplicado, já sem atuação na produção. Sua presença massiva sinaliza uma contradição interna no capitalismo atual, ainda que o pensamento convencional continue a se basear na crença de que crises econômicas são decorrentes de eventos exógenos e inesperados. A crise provém não de eventos aleatórios ou ao acaso, mas da dissociação entre circulação e produção, o que possibilita seu surgimento. Deste modo, a primeira parte deste artigo analisa a teoria do valor e do capital fictício como expressa por Marx e a heterodoxia; a segunda parte busca elucidar suas principais implicações para o caso brasileiro, e questiona a fé irrevogável que a ortodoxia tem na narrativa de crises supostamente surgidas de modelos de equilíbrio.

Palavras-chave: capital fictício; heterodoxia; crises; pensamento econômico.

Classificação JEL: B50; G15; E10.


Fictitious capital and economic crisis: visions towards a new paradigm

Abstract: This article has the purpose on defining fictitious capital theoretically and questioning its role on economic orthodox narratives. Its secondary goal is to demonstrate the harmful effects of such capital in Brazil. Fictitious capital is all rental obtained for the artificial and derivative valuation of invested capital without correspondence to production. Its massive presence signals an internal contradiction on current capitalism, even though conventional thinking still believes that crisis comes from exogenous and unexpected events. Actually, crisis occurs not by random but, indeed, through the dissociation between the circulation and the production process, which allows its offspring. The first part of this paper analyses basic aspects of the value theory and fictitious capital as expressed by Marx and the heterodoxy; the second part deals with the Brazilian case and questions the irrevocable ‘Faith’ that orthodoxy has on crises’ narratives supposedly sprung from models of equilibrium.

Keywords: fictitious capital; heterodoxy; crises; economical theory.



 

Determinantes macroeconômicos dos investimentos no Brasil: um estudo para o período 1996-2012
 Download  

Autor(es): Marcos Tadeu Caputi Lélis; Sabrina Monique Schenato Bredow; André Moreira Cunha.

Resumo: O presente trabalho discute os determinantes do investimento privado na economia brasileira no período 1996-2012. Mais especificamente, busca-se compreender quais variáveis macroeconômicas afetaram os gastos com bens de investimento no segmento de máquinas e equipamentos (FBME). Após decompor as séries utilizadas nos seus componentes não observados e aplicar um modelo vetorial de correção de erros (VEC), constatou-se que variáveis associadas aos modelos keynesianos (nível de atividade/demanda, crédito e expectativas) apresentaram melhor poder explicativo em nossa variável de interesse. Nas considerações finais, nossos resultados são contrastados com a literatura recente sobre as perspectivas de crescimento da economia brasileira.

Palavras-chave: investimento privado; modelos keynesianos; Brasil; crescimento econômico.

Classificação JEL: E12; E22; O11.


Macroeconomic determinants of investment in Brazil: an empirical analysis for the period 1996-2012

Abstract: This paper aims at analysing the macroeconomic determinants of the aggregate private investment in the Brazilian economy from 1996 to 2012. The paper presents the main investment theories, contrasting neoclassical and Keynesian models, reviews the previous empirical literature and provides potentially new evidence on the topic. Our results suggest that the variables usually associated with Keynesian models, such as credit, demand and expectations, have better explained the private investment dynamic in Brazil. Finally, we have also explored relationships between our results and the contemporary debate on Brazil’s economic growth performance.

Keywords: private investment; Keynesian models; Brazil; economic growth.



 

Decomposição estrutural da variação do emprego nos setores industriais no Brasil entre os anos de 2000 e 2009

 Download
Autor(es): Carina Diane Nakatani-Macedo; Flávio Kauê Fiuza-Moura; Marcia Regina Gabardo da Câmara; Umberto Antonio Sesso Filho.

Resumo: O objetivo do presente artigo é analisar a variação de emprego nos setores industriais nos anos 2000-2009 para o Brasil. Utiliza-se a metodologia de insumo-produto, através da decomposição estrutural da variação do emprego em efeitos de intensidade, de tecnologia, da demanda, do crescimento e total. Os principais resultados mostraram que entre os dois períodos estudados, houve um acréscimo de 4,39 milhões de vagas para o setor industrial que isoladamente foi responsável por, aproximadamente, 25% do resultado nacional. Dentre os efeitos estudados pode-se destacar o efeito crescimento e intensidade como principal responsável pelos resultados. Ao considerar o efeito total, os setores que apresentaram maior crescimento relativo no número de empregos foram os de alimentos e bebidas, artigos do vestuário e acessórios e construção civil. Os resultados obtidos permitiram concluir que houve um aumento do número de postos de trabalho para a indústria no Brasil no período analisado, onde a tecnologia, apesar de não explicar unicamente o efeito crescimento, mostra impactos positivos na geração de emprego no efeito total.

Palavras-chave: tecnologia; emprego; insumo-produto; indústria; decomposição estrutural.

Classificação JEL: L60; R15; J20.
 

Employment structural decomposition in manufacturing industries between 2000-2009

Abstract: The aim of this article is to analyze the employment variation in manufacturing industries between years 2000-2009 in Brazil. It employs an input-output methodology, by means of employment structural decomposition into intensity, technology, demand, growth and total effects. The main results showed that in the period Brazilian manufacturing sectors added up 4.38 million jobs, which represented 25% of total jobs created in the country. Among the studied effects, growth and intensity shall be highlighted as the main responsible outcomes. Considering total impacts, the industries that showed greater relative increase in jobs where: food and beverage, clothes and construction. The results lead to the conclusion that, in the studied period, manufacturing in Brazil showed an increase in employment rates, with technology, despite not being the lone factor, having produced a positive impact in job creation.

Keywords: technology; employment; input-output; industry; structural decomposition.




 

Análise desagregada da inflação por setores industriais da economia brasileira entre 1996 e 2011

 Download
Autor(es)
: Carlos Pinkusfeld Monteiro Bastos; Caroline Teixeira Jorge; Julia de Medeiros Braga.

Resumo: Este artigo reporta uma investigação empírica sobre a dinâmica inflacionária de dezessete setores industriais da economia brasileira entre 1996 e 2011. A partir de uma breve discussão teórica sobre a relação entre a inflação e a demanda agregada nas abordagens convencional (modelo do Novo Consenso), pós-keynesiana e do conflito distributivo, buscaram-se evidências de inflação de excesso de demanda e de pressões de custo nesses setores. As séries temporais utilizadas foram o Índice de Preço ao Produtor Amplo por Origem (IPA-OG), o grau de Utilização da Capacidade Instalada (ambos da FGV), o Índice de Commodities Internacionais (IFS/FMI), a taxa de juros e a taxa de câmbio nominal (ambas do Banco Central do Brasil − BCB). As equações foram estimadas a partir da Metolodogia ADL (Autoregressive Distributed Lags). Os resultados apontaram para a ausência de uma relação forte e sistemática entre a inflação e a demanda agregada e para evidência de pressões de custo, sobretudo os preços internacionais das commodities e o câmbio, como determinantes da dinâmica inflacionária dos setores e período analisados.

Palavras-chave: abordagens heterodoxas; inflação; política monetária.

Classificação JEL: B50; E31; E52.
 

Inflation in industrial sector of the Brazilian economy between 1996 and 2011: a disaggregated analysis

Abstract: This paper reports an empirical research on the dynamics of inflation of seventeen industrial sectors of the Brazilian economy between 1996 and 2011. From a theoretical discussion of the relationship between inflation and aggregate demand in traditional economic approaches (the New Consensus Model), Post-Keynesian and Distributive Conflict, we sought evidence of excess demand inflation and cost pressures in these sectors. The time series used were the Producer Price Index for Comprehensive Source (IPA-OG), the degree of Installed Capacity Utilization (both from FGV), the International Commodities Index (IFS/IMF), the interest rate and the nominal exchange rate (both from Brazilian Central Bank - BCB). The methodology was based on ADL Model (Autoregressive Distributed Lags). The results pointed to the absence of a strong and systematic relationship between inflation and aggregate demand, and to evidences of cost pressures, particularly international prices and the exchange of commodities as determinants of inflation dynamics of the sectors and period analyzed.

Keywords: heterodox approaches; inflation; monetary policy.



 

A diversificação da estrutura produtiva no Brasil: observações preliminares

 Download
Autor(es)
: Jucélio Kretzer.

Resumo: Este trabalho tem como objetivo examinar a extensão da diversificação das operações produtivas no Brasil, de 2006 a 2010. Em 2007, o IBGE passou a adotar a versão 2.0 da CNAE, divulgando novas informações estatísticas de unidades ativas, em especial referentes às variáveis derivadas “empresa não diversificada” e “empresa diversificada”. Conclui-se que a maioria das empresas do país apresenta um baixo nível de diversificação; a maioria das empresas brasileiras é “especializada” em suas ativida­des econômicas básicas (unidade local única). Das empresas que operam com “mais de uma unidade local”, quase dois terços delas são classificados como “empresas não diversificadas”, em 2010. No que tange às “empresas diversificadas”, observa-se que, quanto maior o tamanho, maior tem sido a diversificação, mas verifica-se, de modo geral, que as empresas de todos os tamanhos têm se preocupado em expandir mais por meio da “diversificação por atividade e mista” e menos por intermédio da “diversifica­ção espacial”. Considerando a diversificação por setor de atividade econômica, as em­presas da construção e da indústria de transformação atingiram níveis mais elevados de diversificação em 2010. De modo geral, diversos setores mostram características distintas com relação ao tipo de diversificação e ao porte das empresas.

Palavras-chave: diversificação de atividades; diversificação espacial; tamanho da firma.

Classificação JEL: L250.
 

The diversification of the productive structure in Brazil: preliminary remarks

Abstract: This study aims to examine the extent of diversification of production operations in Brazil, of 2006-2010. In 2007, IBGE started adopting version 2.0 of the CNAE, disseminating new statistical information of active units, in especially relating to derived variables “non-diversified company” and “diversified company”. It is concluded that most companies in the country has a low level of diversification; most Brazilian companies is “specialized” in their basic economic activities (single local unit). Businesses operating with “more of a local unit”, almost two thirds of them are classified as “non-diversified companies”, in 2010. As regards the “diversified companies”, it is observed that the larger the size, greater has been the diversification, but there is, in general, companies of all sizes have been keen to expand more through “diversification of activity and mixed”, and less through “spatial diversification”. Considering diversification by sector of economic activity, construction companies and manufacturing industry have achieved higher levels of diversification, in 2010.In general, different sectors have different characteristics with respect to the type of diversification and size of the companies.

Keywords: diversification of activities; spatial diversification; firm size.



 

Características e similaridades do setor cultural nos municípios e regiões metropolitanas brasileiras

 Download
Autor(es): Luiz Carlos de Santana Ribeiro; Thiago Henrique Carneiro Rios Lopes.

Resumo: A promoção de políticas regionais que visam a desenvolver um determinado setor exige, num primeiro momento, sua caracterização e descrição do ponto de vista regional. Dessa forma, este artigo contribui no sentido de oferecer uma classificação dos 5.570 municípios brasileiros sob a ótica formal do mercado de arte e cultura. Para tanto, duas metodologias complementares foram desenvolvidas, quais sejam: i) análise de conglomerados; e ii) método diferencial-estrutural modificado. Acredita-se que a partir dessa caracterização, estudos posteriores possam ser desenvolvidos no sentido de propor políticas regionais que fortaleçam o setor de arte e cultura.

Palavras-chave: setor cultural; cluster; shift-share; municípios brasileiros.

Classificação JEL: C38; R15; Z11.
 

Characteristics and similarities of cultural industries in Brazilian cities and metropolitan regions

Abstract: The promotion of regional policies aimed at developing a particular industry requires, at first, a characterization and description from a regional point of view. Thus, this paper contributes towards offering a classification of the formal market of art and culture in the 5,570 Brazilian municipalities. For this, two complementary methodologies have been applied, namely: i) cluster analysis, and ii) shift-share analysis. It is believed that, based on this characterization, further studies can be deve­loped to propose regional policies that strengthen the art and culture industries.

Keywords: cultural industries; cluster; shift-share; Brazilian municipalities.



 

Um nacionalismo democrático para o século XXI

 Download
Autor(es): Marcus Ianoni; Felipe Maruf Quintas.

Resumo: Resenha do livro de autoria de L. C. Bresser-Pereira, intitulado “A construção política do Brasil: sociedade, economia e Estado desde a Independência”.
Palavras-chave: resenha; sociedade; economia; Estado; Bresser-Pereira.

A democratic nationalism for the 20th century

Abstract: Review of the book “A construção política do Brasil: sociedade, economia e Estado desde a Independência”, by L. C. Bresser-Pereira.
Keywords: book review; nationalism; economy; state; Bresser-Pereira.