Lista

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017

Download

DINÂMICA ECONÔMICA E CICLOS DE NEGÓCIOS NA ECONOMIA BRASILEIRA: EVIDÊNCIAS PARA O PERÍODO PÓS-REAL

Autor(es): Reisoli Bender Filho

Resumo: O exame dos ciclos de negócios da economia brasileira no pós-Real faz-se tema pertinente quando considerado que esse período indica a existência de choques de oferta e de demanda. Buscando testar essa evidência, fez-se uso de dois modelos: o Money-in-the-Utility function (MIU) e o Cash-in-Advanced (CIA). As economias artificiais simuladas – padrão e monetária – mostraram maior aderência aos fatos estilizados
quando considerado o modelo com rigidez dos preços e salários, embora o comportamento volátil das variáveis nominais não tenha sido reproduzido completamente em ambas às economias artificiais. Todavia, os efeitos de choques monetários não podem ser subestimados, haja vista que possibilitaram evidenciar comportamentos característicos de economias com certo grau de instabilidade.

Palavras-chave: ciclos de negócios; Money-in-the-Utility function; Cash-in-Advanced; economia brasileira

Classificação JEL: E32, C61, C32


ECONOMIC DYNAMIC ANDBUSINESS CYCLES IN THE BRAZILIAN ECONOMY: EVIDENCE FOR THE POST-REAL PERIOD

Abstract: The exam of Brazilian Economy’s cyclic in the post-real period is considered a relevant theme when considered that the this it indicates the simultaneous existence of supply and demand shocks. Tring to show it, the models Money-in-the-Utility function (MIU) and Cash-in-Advanced (CIA) have been used. Although the artificial economies simulated -pattern and monetary- have shown higher adequacy
to stylized facts when the rigidities of prices and salaries are considered, the volatile behavior of nominal variables had not been completely reproduced in both artificial economy. The effect of monetary shocks can’t be under estimated, because they showed characteristic behavior of economies with a certain level of instability.

Keywords: business cycles; Money-in-the-Utility function; Cash-in-Advanced; Brazilian economy

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017

Download

Política Monetária e Mercado de Trabalho no Brasil

Autor(es): Michel Cândido de Souza

Resumo: A partir de um modelo dinâmico estocástico de equilíbrio geral (DSGE), seguindo Christoffel, Kuester e Linzert(2009) com fricções do tipo searching and matching, o presente estudo busca verificar os efeitos de um choque de política monetária negativo sobre o mercado de trabalho brasileiro. As simulações apontam que o choque leva ao aquecimento do consumo interno, aumento das contratações por parte das firmas e elevação do salário após o processo de barganha. No entanto, o mesmo choque reduz a probabilidade de novas vagas serem preenchidas, já que o aumento do número de matches é menor do que o aumento de vagas disponíveis, o que dificulta uma queda mais acentuada no desemprego. Por fim, a comparação dos desvios padrão e correlações do modelo com os dados aponta para indícios de um possível processo de rigidez salarial forte no país, dificultando os ganhos do trabalhador.

Palavras-chave: política monetária; mercado de trabalho; searching and matching; DSGE

Classificação JEL: E12, E24, E52


Monetary Policy and Labor Market in Brazil

Abstract: From a dynamic stochastic general equilibrium (DSGE) model, following Christoffel, Kuester and Linzert (2009), with searching and matching frictions, this study aims to verify the effects of a negative monetary policy shock on the Brazilian labor market. The simulations show that the shock leads to heating of domestic consumption, increased hiring by firms and raising the wage after the bargaining process. However, the same schock reduces the probability of new vacancies be filled, as the increase in the number of matches is less than the increase in available positions, which hinders a sharper fall in unemployment. Finally, the comparison of model standard deviations and correlations to the data points to evidence of a possible strong wage rigity process in the country, hindering the employee’s earnings

Keywords: monetary policy; labor market; searching and matching; DSGE

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172119

Download

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E POLÍTICA INDUSTRIAL E TECNOLÓGICA: A VISÃO DO PROFESSOR FABIO ERBER

Autor(es): Dulce Monteiro Filha

Resumo: O texto ilustra o caminho teórico seguido pelo Professor Fabio Erber na construção de sua formação acadêmica, mostrando as conclusões da tese que escreveu para obter o grau de Doutor em Economia na Universidade de Sussex , assim como, aquela que lhe propiciou o título de professor titular do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Este artigo apresenta, também, os estudos sobre Convenções que estava realizando no Pós-Doutorado na Université de Paris XIII. Erber era um profissional respeitado por ex-colegas, alunos e amigos brasileiros e estrangeiros (latino-americanos, franceses, ingleses, etc.), tendo contribuído para o pensamento latino-americano no que diz respeito aos temas que estudou.

Palavras-chave: biografia; Fabio Erber; desenvolvimento; política industrial; política tecnológica; convenção do desenvolvimento

Classificação JEL: 00


ECONOMIC DEVELOPMENT AND INDUSTRIAL AND TECHNOLOGICAL POLICY: THE VISION OF PROFESSOR FABIO ERBER

Abstract: The present paper illustrates the academic line of Professor Fabio Erber, focusing on the conclusions of his doctoral dissertation from the University of Sussex in Economics, “Technological development and State intervention: a study of the Brazilian capital goods industry”, and another important thesis he wrote to became a tenured professor of the Institute of Economics of the Federal University of Rio de Janeiro with “A transformation of regulatory framework: development, technology and state intervention in industrialized nations and in Brazil”. Also included in this paper are Dr. Erber’s studies on Conventions during his post-doctorate programme at Université de Paris XIII. With vast academic experience, Dr. Erber wrote more than 120 papers besides holding significant government positions. Colleagues, students and friends both Brazilian and from abroad held Dr. Erber in high regard for his Latin America perspective on the topics he pursued.

Keywords: biography; Fabio Erber; development; industrial policy; technological policy; development convention

JEL Codes: 00


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172111

Download

O CUSTO DA TRIBUTAÇÃO DIRETA SOBRE O INVESTIMENTO NO BRASIL

Autor(es): Nelson Leitão Paes

Resumo: Este artigo analisa o impacto da tributação no investimento para o Brasil, com atenção especial sobre a renda da pessoa jurídica. Seguindo a literatura sobre o tema, foi utilizado um modelo econômico para o cálculo de dois indicadores de alíquotas tributárias efetivas - EMTR (Effective Marginal Tax Rate) e EATR (Effective Average Tax Rate). O EMTR mede o aumento do custo do capital devido à tributação da renda da pessoa jurídica. Já o EATR representa uma medida da alíquota media que incide sobre um investimento que tem uma taxa de retorno pré-definida. Os resultados sugerem que o Brasil pode enfrentar algumas dificuldades para a tração de investimento estrangeiro. O país apresenta altas taxas para o EATR e o EMTR, mais elevada que a media dos países desenvolvidos e bem acima dos valores de países em desenvolvimento como Chile, México, África do Sul, Rússia e China, potenciais competidores na atração de investimentos.

Palavras-chave: alíquotas efetivas; carga tributária; análise comparativa

Classificação JEL: H20; H22; H25


THE COST OF DIRECT TAXATION ON INVESTMENT IN BRAZIL

Abstract: This paper analyzed the impact of taxation on the investment in Brazil, focusing on the taxation of corporate income. Following the literature, it was used an economic model to calculate two indicators of effective tax rates - Effective Marginal Tax Rate (EMTR) and Effective Average Tax Rate (EATR). The EMTR measures the increase of the cost of capital due to corporate income tax. The EATR represents a measure of the average tax rate levied on an investment that has a pre-defined economic profit. The results suggest Brazil may face some difficulties to attract foreign investment. The country presents high rates for EATR and EMTR, higher than the average of the rich countries and well above the figures of development countries like Chile, Mexico, South Africa, Russia and China, potential competitors in attracting investments.

Keywords: effective rates; tax burden; comparative analysis

JEL Codes: H20; H22; H25


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172112

Download

CICLOS DE CRÉDITO, INADIMPLÊNCIA E AS FLUTUAÇÕES ECONÔMICAS NO BRASIL

Autor(es): Gisele Ferreira Tiryaki; Ive de Oliveira Gavazza; Cláudia Malbouisson Andrade; André Luis Mota

Resumo: A literatura econômica de tradição keynesiana não é consensual quanto à relação entre variações no nível de renda e a inadimplência de crédito: enquanto a análise pós-keynesiana, particularmente de Minsky (1986), aponta para o aumento na fragilidade financeira nas fases de expansão da atividade econômica, os novos keynesianos preconizam a redução dos problemas de assimetria de informação e maior robustez do sistema financeiro em resposta à elevações no nível de renda. Este artigo analisa a relação entre a inadimplência do crédito e as variações cíclicas da atividade econômica no Brasil. Utilizando dados mensais entre 2001 e 2013, estimou-se um Modelo de Vetor Autorregressivo (VAR) para se obter um diagnóstico dos ciclos de crédito
no período indicado. Os resultados indicam que o impacto inicial de um choque real positivo é expandir o crédito e reduzir a inadimplência bancária, mas, em longo prazo, um menor racionamento de crédito vem acompanhado de maior exposição ao Inadimplência; crédito; renda; ciclos econômicosrisco por parte das instituições financeiras.

Palavras-chave: inadimplência; crédito; renda; ciclos econômicos

Classificação JEL: E12; E32


CREDIT CYCLES, DEFAULTS AND ECONOMIC FLUCTUATIONS IN BRAZIL

Abstract: The economic literature in the Keynesian tradition disagrees on the relationship between income levels and debt charge-off ratios: while the Post-Keynesian analysis, in especial that of Minsky (1986), indicates an increasing financial fragility during economic booms, the New Keynesians state that these periods are characterized by an easiness in information asymmetry problems and greater
robustness of the financial system as income expands. This article analyzes the relationship between the behavior of credit defaults and the cyclical variations in economic activity in Brazil. Using monthly data ranging from 2001 to 2013, a Vector Autoregressive Model (VAR) was estimated to analyze the credit cycles in the indicated time period. The results show that a positive income shock stimulates credit concessions and reduces charge-off ratios in the short run, but, in the long-run, a reduced credit rationing is followed by a greater risk exposure by the financial institutions.

Keywords: default; credit; income; business cycles

JEL Codes: E12; E32


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172113

Download

EFEITOS DA POLÍTICA DE SALÁRIO MÍNIMO SOBRE O MERCADO DE TRABALHO METROPOLITANO: UMA ANÁLISE EMPÍRICA A PARTIR DE VETORES AUTORREGRESSIVOS (VAR) – (2003-2015)

Autor(es): Girleno Costa Pereira; André de Souza Melo; Leonardo Ferraz Xavier

Resumo: Com intuito de verificar os efeitos que a política de salário mínimo exerce sobre o mercado de trabalho metropolitano brasileiro, o presente estudo contribui ao verificar a sua interrelação com variáveis como taxa de atividade, grau de informalidade e taxa de desemprego em quatro regiões metropolitanas (Recife, Porto Alegre, Belo Horizonte e São Paulo), separadamente, no período de janeiro de 2003 a março de 2015. Ao utilizar o método de autorregressão vetorial (VAR), os resultados mostram que a relação entre salário mínimo e taxa de atividade se deu com ingresso de mão de obra apenas em uma região estudada. Nas demais regiões observam-se tanto uma tendência de queda no grau de informalidade quanto um aumento na taxa de desemprego.

Palavras-chave: salário mínimo; mercado de trabalho; VAR

Classificação JEL: C01; E24


EFFECTS OF THE MINIMUM WAGE POLICY ON THE METROPOLITAN LABOR MARKET: AN EMPIRICAL ANALYSIS FROM VECTORS AUTOREGRESSIVE (VAR) – (2003-2015)

Abstract: In order to verify the effects of the minimum wage policy has on the Brazilian metropolitan labor market, this study adds to check their interrelation with variables such as activity rate, degree of informality and unemployment rate in four Regions metropolitan (Recife, Porto Alegre, Belo Horizonte and São Paulo), separately, from January 2003 to March 2015. By using the vector autoregression method (VAR), the results show that the relationship between the minimum wage and activity rate occurred with labor ticket in just a study area. In the other regions are observed both a downward trend in the degree of informality as an increase in the unemployment rate.

Keywords: minimum wage; labor market; VAR

JEL Codes: C01; E24


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172114

Download

MENSURAÇÃO DA DESIGUALDADE EDUCACIONAL ENTRE OS MUNICÍPIOS NORDESTINOS

Autor(es): Luciana de Oliveira Rodrigues; Jair Andrade Araujo; João Paulo Martins Guedes; Maria Micheliana da Costa Silva

Resumo: O objetivo deste artigo é analisar a desigualdade educacional da Região Nordeste com base nos dados do Censo Demográfico de 2010. Para este fim, foi calculado
o Índice de Gini Educacional (IGE) para a parcela da população economicamente ativa com 15 anos ou mais de idade, residentes nos 1793 municípios nordestinos. Foram empregadas as técnicas de Análise Exploratória de Dados Espaciais (AEDE) e Análise de Regressão Espacial para detectar a importância de algumas variáveis relacionadas ao contexto das famílias, do sistema educacional e da economia dos municípios sobre o Índice de Gini Educacional. Verificou-se que o estado da Bahia apresentou a menor desigualdade educacional no Nordeste, com IGE de 0,394, enquanto o maior índice de desigualdade foi detectado no estado de Alagoas (0,467). Quanto à analise espacial, foi detectada dependência espacial no tocante à desigualdade educacional entre os municípios e seus vizinhos. Constatou-se também que a renda per capita, a frequência escolar líquida, a presença de IES e o PIB per capita municipal contribuem na redução da desigualdade, e que o baixo impacto de variáveis relacionadas ao sistema educacional pode ser atribuído ao seu efeito no longo prazo e, portanto, ressalta-se a importância do investimento e as políticas públicas educacionais, que só terão reflexo na redução da desigualdade educacional dos municípios no futuro.

Palavras-chave: Nordeste; desigualdade educacional; Índice de Gini Educacional (IGE); dependência espacial

Classificação JEL: C21; I25; J24


MEASURING EDUCATIONAL INEQUALITY AMONG NORTHEASTERN´S COUNTIES

Abstract: This study aims to analyze educational inequality in the Northeast Region of Brazil based on data from the 2010 Census. For this purpose, the Educational Gini Index (IGE) has been estimated for the portion of the economically active population aged 15 years and over residing in the 1793 municipalities of the Northeast. Analytical techniques included Spatial Data (ESDA) and Spatial Regression Analysis to detect the importance of a number of variables related to household, education and the economy of counties accounted for in the IGE. Results suggest that the state of Bahia shows the lowest educational inequality rates among all Northeast states, while Alagoas is the one with the highest inequality rate (0.467). As for the spatial analysis of educational inequality, spatial dependence has been detected regarding the municipalities and their neighbors. It has also been found that per capita income, net school attendance, IES presence and municipal per capita PIB contribute to the reduction of inequality. And the low impact of educational variables can be attributed
to their long-term effect; as a result, investment and public policies directed to educational become really important, since they will only have an impact on the reduction of educational inequality among the municipalities in the long run.

Keywords: Northeast; educational inequality; Educational Gini Index (IGE); space dependence

JEL Codes: C21; I25; J24


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 1, jan./abr. 2017 - e172115

Download

DISPARIDADE SOCIOECONÔMICA E FLUXO MIGRATÓRIO CHINÊS: INTERPRETAÇÃO DE EVENTOS CONTEMPORÂNEOS SEGUNDO OS CLÁSSICOS DO DESENVOLVIMENTO

Autor(es): Frederick Fagundes Alves; Silvia Harumi Toyoshima

Resumo: Objetiva-se analisar a evolução do fluxo migratório chinês, focando na piora da distribuição de renda, na concentração dos investimentos e no planejamento para o desenvolvimento do interior da China, utilizando como suporte teórico os pensadores clássicos do desenvolvimento. Pôde-se verificar que as províncias com maiores investimentos são as mais procuradas pelos migrantes, que o fazem em busca de melhores oportunidades. A concentração da urbanização na região costeira e as desigualdades regionais na China poderão ser amenizadas por meio de um desenvolvimento regional focado nas províncias menos favorecidas, fazendo com que os trabalhadores busquem oportunidades em suas próprias províncias.

Palavras-chave: China; migração; planejamento regional; concentração dos investimentos; Hukou

Classificação JEL: O15; O18; R23; R58; R38


SOCIOECONOMIC DISPARITY AND CHINESE MIGRATION FLOW: INTERPRETATION OF CONTEMPORARY EVENTS ACCORDING TO CLASSICS OF DEVELOPMENT

Abstract: This research aims to analyze the evolution of Chinese migration, focusing on the worsening distribution of income, the concentration of investments and planning for the development of inland China, being grounded, in most cases, by the classical thinkers of development. It could be seen that provinces with larger investments are the most sought after by migrants who are in the search of better opportunities. The concentration of urbanization in the coastal region and regional inequalities in China may be mitigated through a regional development focused on disadvantaged provinces, causing workers seek opportunities in their own provinces.

Keywords: China; migration; regional planning; concentration of investments; Hukou

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

OS IMPACTOS DA POLÍTICA MONETÁRIA NA TAXA DE CÂMBIO NO BRASIL: IDENTIFICAÇÃO VIA HETEROCEDASTICIDADE

Autor(es): Sílvia Verônica Vilarinho Couto; Roberto Meurer

Resumo: O presente trabalho busca analisar os efeitos da política monetária brasileira sobre a taxa de câmbio, no período de 2004-2016, considerando o problema de endogeneidade da política monetária. Para tratar do problema da endogeneidade da política monetária é empregado o método de identificação via heterocedasticidade. A principal vantagem deste método é que ele se baseia no comportamento estatístico das séries, não sendo necessário realizar suposições arbitrárias de identificação. Os resultados mostram que há uma relação positiva entre a taxa de juros e a taxa de câmbio no Brasil.

Palavras-chave: política monetária; taxa de juros; taxa de câmbio

Classificação JEL: E43; E52; F31


THE IMPACT OF MONETARY POLICY ON THE EXCHANGE RATE IN BRAZIL: IDENTIFICATION THROUGH HETEROCEDASTICITY

Abstract: This study aims to analyze the effects of Brazilian monetary policy on the exchange rate in from 2004 to 2016 taking into account the endogeneity problem of monetary policy. To address the issue of endogeneity of monetary policy the method of identification through heteroscedasticity is used. The main advantage of this method is that it is based on the statistical behavior of the series, it is not necessary to make arbitrary assumptions of identification. The results show that there is a positive relationship between the interest rate and the exchange rate in Brazil.

Keywords: monetary policy; interest rate; exchange rate

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

A EVOLUÇÃO DA MACROECONOMIA MODERNA ENTRE PERSPECTIVAS: EM BUSCA DE UMA SISTEMATIZAÇÃO

Autor(es): Hélio Afonso de Aguilar Filho; Hermógenes Saviani Filho

Resumo: Longe de ser uma reconstrução sintética de autores e ideias, a história do pensamento econômico se apresenta mais como narrativas entrecortadas por perspectivas distintas. Uma mostra disso pode ser encontrada em Keynes, que construiu sua teoria geral ao se opor ao que no seu entendimento seria a Escola Clássica, mas que abrangia a teoria neoclássica. Apesar das objeções ao solecismo de Keynes, a história das ideias econômicas passou, sem muitas ressalvas, a ser contada incorporando sua definição. Esse artigo busca sistematizar as principais contribuições à Macroeconomia a partir de duas perspectivas analíticas distintas, a de Keynes e a convencional, sumarizada por Joan Robinson. Sustentar-se-á que as diferentes classificações operadas por estas distintas abordagens geram indefinições na análise a respeito dos aspectos coincidentes e contraditórios das diversas teorias macroeconômicas.

Palavras-chave: Keynes; Joan Robinson; macroeconomia; história das ideias econômicas; economia clássica; economia neoclássica

Classificação JEL: B22; B30; E12; E13


THE EVOLUTION OF MODERN MACROECONOMICS BETWEEN PERSPECTIVES: IN SEARCH OF LOST SINTHESHIS

Abstract: Far from being a synthetic reconstruction of authors and ideas, the history of economic thought is presented more as narratives interspersed with different perspectives. An example of this is Keynes, who built his general theory to oppose the Classical School, but covering the neoclassical theory. Despite objections to the solecism of Keynes, the history of economic thought was reckoned incorporating his definition but few exceptions. The aim of this paper is to analyze the main contributions to macroeconomic thinking from two different analytical cuts, the conventional synthesized by Joan Robinson and that of Keynes. Therefore we argue the use of these different perspectives on understanding of same contents, causes uncertainties in Macroeconomics stopping to adequately consider the overlapping and contradictory
aspects of macroeconomic theories.

Keywords: Keynes; Joan Robinson; macroeconomics; history of economic thought; neoclassical synthesis

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

O SENTIDO HISTÓRICO DO DESENVOLVIMENTISMO E SUA ATUALIDADE

Autor(es): Pedro Cezar Dutra Fonseca; Ivan Colangelo Salomão

Resumo: O artigo aborda a formação histórica do desenvolvimentismo brasileiro e discute sua atualidade como projeto para a economia brasileira. Para tanto, recupera suas origens, mostrando que resulta da confluência de ideias nacionalistas, intervencionistas e em defesa da industrialização que começaram a se amalgamar no último quarto do século XIX, ainda no período agroexportador. A seguir, parte da conceituação de desenvolvimentismo para mostrar que este, como fenômeno histórico, mostrou-se capaz de se adaptar às transformações por que passou a economia brasileira ao longo do século XX, não sendo restrito ao período da industrialização por substituição de importações. Assim, conclui que o desafio da atualidade consiste na sua reatualização diante das mudanças econômicas das últimas décadas, principalmente no que tange à desindustrialização.

Palavras-chave: desenvolvimentismo; industrialização brasileira; economia brasileira no século XIX

Classificação JEL: N16; B29


THE HISTORICAL SENSE OF DEVELOPMENTALISM AND ITS CURRENT MEANING

Abstract: The article presents the historical formation of the Brazilian developmentalism and discusses its relevance for the Brazilian economy. Therefore, recovers its origins, showing that results from the confluence of interventionists, nationalists and in defense of industrialization ideas that coalesced in the last quarter of the nineteenth century, during the agro-export period. Then, from the developmentalist concept it argues that this as a historical phenomenon, able to adapt itself to the changes in the Brazilian economy during the twentieth century, not being restricted to the import substitution industrialization period. Thus, we conclude that today’s challenge is its update face to the economic changes in recent decades, particularly with regard to deindustrialization.

Keywords: developmentalism; Brazilian industrialization; Brazilian economy in the 21st century.

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

A RELAÇÃO ENTRE PREÇO E DEMANDA POR JOGOS DE FUTEBOL NO BRASIL

Autor(es): Bruno Ítalo Lima Benevides; Sandra Maria dos Santos; Augusto Cézar de Aquino Cabral

Resumo: A indústria do futebol chega a movimentar em todo mundo, por ano, de acordo com Belo e Paolozzi (2013), um valor entre US$ 400 bilhões e US$ 1 trilhão. Como atividade econômica, tem atraído a atenção de diversos estudos acadêmicos (DOBSON e GODDARD, 2001; SOUZA, 2004 e MADALOZZO, 2008). Entre os resultados obtidos nesses estudos, tem-se divergências com relação à variável preço nas equações de demanda por futebol. Dessa forma, este estudo objetiva identificar a relação entre preço e demanda por futebol. Foram utilizados dados secundários a partir do IBGE, da CBF e da Pluri Consultoria. A pesquisa faz uma análise a partir de 380 jogos do campeonato brasileiro. Para estimação da demanda utilizou-se o método de
MQO. O modelo teve como variável dependente o público pagante presente nos estádios. Os resultados evidenciaram que a função demanda é não homogênea.

Palavras-chave: futebol; demanda; cadeia produtiva

Classificação JEL: C1; D1


THE RELANTIONSHIP BETWEEN PRICE AND DEMAND FOR FOOTBALL MATCHES IN BRAZIL

Abstract: The football industry moves around the world every year, according to Belo and Paolozzi (2013), worth between $ 400 billion and $ 1 trillion. As an economic activity, it has attracted the attention of several academic studies (DOBSON and GODDARD, 2001; SOUZA, 2004 and MADALOZZO, 2008). Among the results obtained in these studies, there are differences regarding the price variable in the demand equations for soccer. Thus, this study aims to identify the relationship between price and demand for soccer. Secondary data were used from IBGE, CBF and Pluri Consultoria. The search does an analysis of 380 games of the Brazilian championship. To estimate the demand, the OLS method was used. The dependent variable was the dependent model present in the stadiums. The results showed that the demand function is inhomogeneous.

Keywords: football; demand; supply chain

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

SERÁ QUE “ACABOU O DINHEIRO”? FINANCIAMENTO DO GASTO PÚBLICO E TAXAS DE JUROS NUM PAÍS DE MOEDA SOBERANA

Autor(es): Franklin Serrano; Kaio Pimentel

Resumo: Este trabalho discute como se financiam os gastos públicos e se determinam as taxas de juros sobre os títulos de dívida pública de curto e longo prazo num país de moeda soberana. A análise segue a abordagem da taxa de juros exógena, que sintetiza os resultados comuns da visão da moeda endógena da Modern Monetary Theory e das finanças funcionais de Lerner. Focado particularmente no caso brasileiro, o trabalho começa com a análise dos procedimentos operacionais do financiamento do gasto público e a relação entre o Tesouro e o Banco Central, discute a relação entre financiamento do governo e as taxas de juros de títulos públicos de curto e longo prazo. Como um país (e não apenas o setor público) pode sim quebrar em moeda estrangeira, a seção seguinte analisa a questão do spread de “risco soberano” e sua relação com os passivos externos em moeda estrangeira do país (e não do setor público) e discute brevemente também a relação entre esse spread e as notas concedidas pelas agências de rating. O artigo conclui discutindo de forma sucinta algumas implicações da análise anterior para a discussão recente no Brasil (a partir de 2015) sobre a necessidade e formas do “ajuste fiscal”.

Palavras-chave: taxa de juros; finanças funcionais; moeda endógena

Classificação JEL: E63; E43; B51


HAVE WE REALLY “RUN OUT OF MONEY”? INTEREST RATES AND THE FINANCING OF PUBLIC EXPENDITURES IN A SOVEREIGN CURRENCY COUNTRY

Abstract: This paper discusses the financing of public expenditures and the determination of interest rates on short and long public bonds in a country that has monetary sovereignty. The analysis follows the exogenous interest rate approach that combines the notions of endogenous money of modern monetary theory and of functional finance from Lerner. Focusing particularly in the case of Brazil, the paper begins with the analysis of the operational procedures of government financing and the relationship between Treasury and the Central Bank, the relationship between government financing and the short and long term interest rates on public bonds. As a country (not just the public sector) can indeed go bankrupt in terms of foreign currency, this is followed by the analysis of the “sovereign risk” spread and its relationship with the external liabilities in foreign currency of the country (and not
of the public sector) and a brief discussion of the relationship between the spread and the ratings of the international agencies. We conclude by very succinctly pointing out some implications of the above analysis to the recent discussion in Brazil (since 2015) on the need of a major “fiscal adjustment”.

Keywords: interest rates; functional finance; endogenous money

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

A POLÍTICA ECONÔMICA DO NOVO DESENVOLVIMENTISMO

Autor(es): Nelson Marconi; Marco Brancher

Resumo: O objetivo deste artigo é discutir a aplicação do arcabouço teórico do novo desenvolvimentismo à formulação de uma proposta de política macroeconômica. Para tal, além da discussão sobre os princípios teóricos do novo desenvolvimentismo, o cenário dos últimos anos é analisado e posteriormente são propostas medidas de política econômica com base nessa abordagem. Particular destaque é atribuído à relevância da manutenção dos chamados preços macroeconômicos em seu nível correto para o processo de catching-up baseado na sofisticação da estrutura produtiva, isto é, em uma mudança estrutural na direção da maior participação da manufatura e dos serviços modernos no valor adicionado.

Palavras-chave: novo desenvolvimentismo; política macroeconômica; preços macroeconômicos; mudança estrutural

Classificação JEL: O11, O14


THE ECONOMIC POLICY OF NEW DEVELOPMENTALISM

Abstract: The aim of this article is to discuss the application of the theoretical framework of the new developmentalism to the formulation of a macroeconomic policy proposal. Besides the discussion of the theoretical principles of the new developmentalism, the scenario of the last years is analyzed and, subsequently, a macroeconomic policy based on this approachis proposed. Particular emphasis is assigned to the relevance of maintaining the so-called macroeconomic prices at their correct level for the catching-up process based on the sophistication of the productive structure, that is, on the structural change towards larger shares of manufacturing and modern services in value added.

Keywords: new developmentalism; macroeconomic policy; macroeconomic prices; structural change

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

A ECONOMIA BRASILEIRA NO NOVO MILÊNIO: CONTINUIDADE E MUDANÇAS NAS ESTRATÉGIAS DE DESENVOLVIMENTO

Autor(es): Carlos Aguiar de Medeiros

Resumo: Este texto disputa a proposição de que a crise atual da economia brasileira resultou da política desenvolvimentista que teria sido adotado na segunda metade da década do novo milênio. Com base em experiência nacionais do pós-guerra e nas transformações internacionais contemporâneas, argumenta-se que as estratégias desenvolvimentistas basearam-se num tripé formado por uma macroeconomia expansiva, por uma ativa política industrial e pela proteção da indústria nacional; com o neoliberalismo dos anos 1990 esse tripé foi desmontado na economia brasileira e após algumas iniciativas dos governos tomadas na primeira década visando à sua recomposição parcial, essa estratégia foi novamente desmontada na segunda década.

Palavras-chave: desenvolvimentismo; política econômica; investimento público; política industrial.

Classificação JEL: O23; O24; O25; O33; O54.


BRAZILIAN ECONOMY IN THE NEW CENTURY: CONTINUITY AND CHANGES IN DEVELOPMENTAL STRATEGIES

Abstract: This paper disputes the proposition that attributes the current Brazilian economic crisis to the developmentalism adopted in the second decade of the new millennium. Based on post war nationals’ experiences and on international evolution, I argue that the neoliberalism that ruled in Brazil along the 1990s dismantled the tripod formed by expansionist macroeconomics, industrial policy and manufacture protection. This set that distinguish all developmentalism strategy was partially recovered by the new governments along the first decade but it was discontinued over again in the second decade.

Keywords: developmentalism; economic policy; public investment; industrial policy

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download

ASCENSÃO E CRISE DO GOVERNO DILMA ROUSSEFF E O GOLPE DE 2016: PODER ESTRUTURAL, CONTRADIÇÃO E IDEOLOGIA

Autor(es): Pedro Paulo Zahluth Bastos

Resumo: O artigo procura entender o governo Dilma Rousseff e o Golpe de 2016 levando em consideração o poder estrutural do capital financeiro e as contradições inerentes aos modelos de crescimento econômico e coalizão política observados desde o governo Lula. Argumenta-se que o projeto econômico do governo Rousseff procurava superar algumas destas contradições. O governo, contudo, não foi capaz de realizar nem as reformas institucionais nem as repactuações políticas necessárias para o sucesso de seu projeto, em contexto de desaceleração cíclica e aguçamento da concorrência internacional e dos conflitos sociais no Brasil. A política econômica é avaliada desde a austeridade de 2011 até a de 2015, passando pela chamada Nova Matriz Econômica e seu desmonte gradual em 2013. Analisa-se as origens da unificação da
burguesia em torno a um programa neoliberal em 2016, assim como a relação entre a revolta das camadas médias e o ataque político-judicial resultante no Golpe de 2016.

Palavras-chave: Dilma Rousseff; Lulismo; golpe de 2016; Operação Lava-Jato; nova matriz econômica

Classificação JEL: O11; O54; P16


THE RISE AND FALL OF DILMA ROUSSEFF GOVERNMENT AND THE 2016 COUP: STRUCTURAL POWER, CONTRADICTION AND IDEOLOGY

Abstract: The article seeks to understand the Dilma Rousseff government and the 2016 coup, considering the structural power of the financial capital and the contradictions inherent to the models of economic growth and political coalition observed since the Lula administration. It is argued that the Rousseff government’s economic project sought to overcome some of these contradictions. The government,
however, was unable to carry out either the institutional reforms or the political changes necessary for the success of its project, in the context of an economic slowdown and the sharpening of international competition and social conflicts in Brazil. The economic policy is evaluated from the austerity of 2011 to that of 2015, passing through the so-called New Economic Matrix and its gradual dismantling in 2013. The origins of the bourgeoisie’s unification around a neoliberal program in 2016 are analyzed, as well as the relationship between the middle-class revolt and the political-judicial attack resulting on the 2016 coup.

Keywords: Dilma Rousseff; Lulism; 2016 Coup; Car-Wash Operation; new economic matrix

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 2, mai./ago. 2017

Download indisponível POLÍTICA SOCIAL E HETEROGENEIDADE ESTRUTURAL NA AMÉRICA LATINA: A VIRADA DO SÉCULO XXI

Autor(es): Lena Lavinas; André Simões

Resumo: Esse artigo examina a complementariedade entre política social e políticas macroeconômicas pró-crescimento, tornando a redistribuição um fator dinâmico na consolidação de sociedades de mercado apoiadas na expansão da demanda. Analisa o período recente da história econômica latino-americana, marcado pelo surgimento de paradigmas conceituais voltados a explicar as especificidades do desenvolvimento da região. Três questões são abordadas no trabalho: i) que modelo de inclusão social caracteriza a nova fase de crescimento liderada pelas chamadas estratégias desenvolvimentistas?; ii) qual o papel atribuído ao sistema de proteção social e à política social lato sensu nesta dinâmica?; e iii) que mecanismos serviram para assegurar a transição a
uma sociedade de consumo de massa? O Brasil é tomado como estudo de caso.

Palavras-chave: política social; desigualdade; América Latina; estruturalismo

Classificação JEL: I30; E2; N36


SOCIAL POLICY AND STRUCTURAL HETEROGENEITY IN LATIN AMERICA: THE TURNING POINT OF THE 21ST CENTURY

Abstract: This article addresses the complementarity between social policy and pro-growth macroeconomic policies, which turned redistribution into a crucial issue to consolidate market societies through the expansion of demand. It focuses on the recent economic history of Latin America, marked by the emergence of new conceptual paradigms so as to grasp the singularities of the region´s development. Three questions are then raised: i) which social inclusion model distinguishes the new period of economic growth led by the so called social-developmentalist strategies? ii) what role is assigned to the social protection system and to social policies in general in this context? iii) which mechanisms enabled the transition towards a mass-consumption society? Brazil will serve as a case study.

Keywords: social policy; inequality, Latin America; structuralism

Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-30, set-dez/2017

Download

EVOLUÇÃO DA DÍVIDA E DA NECESSIDADE DE FINANCIAMENTO DO SETOR PÚBLICO NO BRASIL (1995-2016): UM BALANÇO DO PERÍODO PÓS-REAL

Autor(es): Giuliano Contento de Oliveira; Daniel Arias Vazquez; Paulo José Whitaker Wolf

Resumo: O objetivo deste artigo consiste em analisar a trajetória do endividamento e da necessidade de financiamento do setor público brasileiro entre 1995 e 2016, a
partir de três grandes períodos, quais sejam, 1995-2002, 2003-2008, 2009-2014 e 2015-2016. Pode-se verificar que as condições externas altamente benignas, tanto em termos dos preços das commodities como do ingresso líquido de fluxos internacionais de capital para a economia brasileira, foram imprescindíveis para a melhora dos indicadores fiscais na economia brasileira, a saber, necessidades de financiamento, dívida líquida e dívida bruta, todos em relação ao PIB. No período mais recente, a deterioração do quadro macroeconômico e a consequente maior dificuldade de se viabilizar a geração de superavit fiscal primário mais elevado têm suscitado novos e complexos desafios para a gestão das contas públicas no Brasil.

Palavras-chave: contas públicas; dívida líquida do setor público; necessidade de financiamento do setor público; liquidez internacional; Brasil

Classificação JEL: H60; H62; H63


DEBT AND BORROWING REQUIREMENTS OF THE BRAZILIAN PUBLIC SECTOR (1995-2016): AN ASSESSMENT OF THE POST-REAL PERIOD

Abstract: The aim of this paper is to analyze the debt and borrowing requirements trajectories of the Brazilian public sector between 1995 and 2016, considered from the
point of view of three major periods, that is, 1995-2002, 2003-2008, 2009-2014, and 2015-2016. It can be observed that singular external conditions, both in terms of
commodity prices and of net inflows of international capitals to the Brazilian economy, were essential for the improvement of its main fiscal indicators, namely, the borrowing requirements, the gross debt and the net debt, all considered in relation to GDP. More recently, the deterioration of the macroeconomic environment and the greater difficulty to generate higher primary fiscal surpluses have caused new and complex challenges for public accounts management in Brazil.

Keywords: public accounts; public sector net debt; public sector borrowing requirements; international liquidity; Brazil

JEL Codes: H60; H62; H63


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-34, set-dez/2017

Download

O NOVO CONSENSO EM MACROECONOMIA NO BRASIL: A POLÍTICA FISCAL DO PLANO REAL AO SEGUNDO GOVERNO LULA

Autor(es): Flávio Arantes; Francisco Luiz Cazeiro Lopreato

Resumo: A política fiscal do Plano Real seguiu a lógica do Novo Consenso em Macroeconomia. Desde o Plano criaram-se as bases para uma mudança do regime fiscal brasileiro em que a política fiscal deve preocupar-se com a sustentabilidade das contas públicas, garantindo aos agentes um ambiente estável para tomada de decisão. O regime é consolidado a partir da crise de 1999, com a adoção do tripé de câmbio flexível, metas de inflação e geração de superavit primário. O governo Lula aprofunda a condução da política fiscal nesses moldes até 2006, quando promove mudanças na sua base teórica e na sua condução. Desde então, embora mantenha características da fase anterior, a política fiscal sofreu alterações, com o Estado agindo mais diretamente na economia. Depois
de contar com o “aval” da crise mundial de 2008, o ativismo do governo voltou a enfrentar resistência teórica por parte dos críticos presos ao Novo Consenso.

Palavras-chave: política fiscal; Novo Consenso; Plano Real; governo Lula

Classificação JEL: E62; E63; E65


NEW MACROECONOMIC CONSENSUS IN BRAZIL: FISCAL POLICY FROM THE REAL PLAN TOPRESIDENT LULA’S SECOND MANDATE

Abstract: Fiscal policy implemented in Brazil at Real Plan followed the New Macroeconomic Consensus’ logic. The Plan started the changing of Brazilian’s fiscal regime into one in which fiscal policy must be confined to insuring a stable macroeconomic environment so private agents can make their decision. The regime is consolidated in 1999 crisis, when the tripod was adopted: flexible exchange rates, inflation targeting and primary fiscal surplus. Lula’s mandate deepens the conduction of fiscal policy accordingly until 2006, when it suffers a substantial change, both in its theoretical basement and in its implementation. Since then, Brazilian government has been more active over the economy, although fiscal policy keeps relevant characteristics of the previous phase. The 2008 world crisis endorsed the activism, but since the acute phase of the crisis is over, the sympathetic critics to the New Macroeconomics ideas have put hard theoretical and political resistances to the measures adopted.

Keywords: fiscal policy; New Consensus; Real Plan; Lula government

JEL Codes: E62; E63; E65


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-27, set-dez/2017

Download

CONDICIONANTES DA DISPOSIÇÃO DE PARTICIPAR E ACEITAR PAGAMENTOS POR SERVIÇOS AMBIENTAIS: UM ESTUDO DE CASO NO BRASIL

Autor(es): Isaque Regis Ouverney; Ronaldo Seroa da Motta; Ramon Arigoni Ortiz; Paulo Sérgio Coelho

Resumo: Este estudo estima a probabilidade de produtores rurais participarem de um programa de pagamentos por serviços ambientais (PSA) na bacia do rio Paraíba do Sul, Brasil, para atividades de conversão produtiva, conservação e regeneração florestal, com base numa pesquisa de campo junto aos potenciais provedores. A estratégia de identificação condiciona as funções de probabilidade a participar do programa de PSA e a aceitar o pagamento proposto a fatores econômicos e percepções com técnicas de análise fatorial e testa modelos econométricos em um e dois estágios. Os resultados
apontam que a adesão a programas de PSA é influenciada não apenas por fatores relativos ao custo financeiro de oportunidade para a adoção das novas atividades, mas, principalmente, por fatores relativos ao conhecimento prévio dos provedores sobre questões relativas ao programa e suas percepções de risco e incerteza quanto ao nível de esforço necessário para a adequação as atividades oferecidas.

Palavras-chave: pagamentos por serviços ambientais; condicionantes econômicos; percepções de risco e incerteza, valoração contingente

Classificação JEL: Q20; Q51; Q58


DETERMINANTS OF PARTICIPATION AND ACCEPTANCE FOR PAYMENTS FOR ENVIRONMENTAL SERVICES: A CASE STUDY IN BRAZIL

Abstract: This study estimates the probability of rural producers participating and accepting payments from a program of Payment for Environmental Services (PES) in the Paraíba do Sul river basin, Brazil, for productive conversion activities and conservation and regeneration of forestland, based on a survey with the potential providers. The identification strategy estimates the probability functions of participating in the PES program and of accepting the payment conditioned to economic factors and perceptions with factorial analysis techniques and econometric models in one and two stages. The results show that adherence to PSA programs is influenced not only by factors relating to the financial opportunity cost for adopting new activities, but mainly by factors relating to prior
knowledge of the providers on technical issues relating to the program and their perceptions on risks and uncertainty regarding of the effort level required to adopt the program.

Keywords: payments for environmental services; economic constraints; risk and uncertainty; contingent valuation

JEL Codes: Q20; Q51; Q58


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-25, set-dez/2017

Download

CAPITAL HUMANO OU CAPITALISMO SELVAGEM? UM BALANÇO DA CONTROVÉRSIA SOBRE DISTRIBUIÇÃO DE RENDA DURANTE O “MILAGRE” BRASILEIRO

Autor(es): Ricardo Strazzacappa Barone; Pedro Paulo Zahluth Bastos; Fernando Augusto Mansor de Mattos

Resumo: O artigo tem por objetivo realizar um balanço da controvérsia sobre a distribuição de renda no Brasil na década de 1960. Para tanto, apresentamos os principais argumentos da interpretação “oficial”, fundamentada e justificada no trabalho de Langoni (1973), bem como as principais críticas a ela endereçadas pelas interpretações alternativas. A interpretação “oficial” considerou que o aumento na desigualdade da distribuição de renda entre 1960 e 1970 seria consequência natural e transitória do descompasso entre demanda e oferta de mão de obra qualificada, num contexto de intenso crescimento econômico. Consideramos, em linha com as interpretações alternativas, que a interpretação “oficial” apresentou argumentos que obscureceram a importância de elementos teóricos e empíricos relacionados à hierarquia organizacional das empresas, política econômica do governo militar e ao padrão de desenvolvimento capitalista no Brasil.

Palavras-chave: “Milagre” brasileiro; desigualdade de renda; diferenciais salariais

Classificação JEL: J31; N36; 015


HUMAN CAPITAL OR WILD CAPITALISM? AN APPRAISAL OF THE CONTROVERSIAL DISTRIBUTION OF INCOME DURING THE BRAZILIAN “MIRACLE”

Abstract: This article aims at providing an overview of the Brazilian income distribution controversy during the 1960’s. To that end, we present the key arguments of the so-called “official” interpretation, based mostly on Langoni’s (1973) study, as well as the main criticisms it received. The “official” interpretation states that the increase in the inequality of income distribution between 1960 and 1970 is a natural and transitory consequence of the disequilibrium between the supply and demand of qualified labor, within the context of a high economic growth. However, from our part and in line with the main criticisms it received, we suggest that the “official” interpretation offers arguments which actually hinder the importance of crucial elements, both theoretical and empirical, linked to the organizational hierarchy of businesses, to the economic policy adopted by the military government and to the pattern of capitalist development in Brazil.

Keywords: Brazilian “miracle”; income inequality; wage differentials

JEL Codes: J31; N36; 015


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-26, set-dez/2017

Download

ESCOLARIDADE E DISTRIBUIÇÃO DE RENDA ENTRE OS EMPREGADOS NA ECONOMIA BRASILEIRA: UMA ANÁLISE COMPARATIVA DOS SETORES PÚBLICO E PRIVADO DOS ANOS 2001 E 2013

Autor(es): Daniel da Silva Barros

Resumo: O objetivo deste trabalho é analisar a influência da escolaridade na distribuição da renda entre os empregados dos setores público e privado na economia brasileira nos anos 2001 e 2013. A metodologia utilizada foi a decomposição do Índice de Gini, tanto por fontes de renda quanto por grupamentos de atividades de trabalho. Foi utilizado o software Stata como instrumento para o processamento dos microdados disponibilizados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD/IBGE. Verificou-se que, entre 2001 e 2013, houve uma redução da desigualdade da distribuição de renda da economia e o Índice de Gini caiu de 0,571 para 0,506, ocorrendo um aumento na razão de concentração no rendimento do funcionalismo público, que é uma parcela regressiva e houve uma diminuição na razão de concentração do rendimento dos empregados do setor privado, que é uma parcela de renda progressiva. Detectou-se, também, que as mulheres têm mais anos de estudos do que os homens, em média 1,3 anos a mais. Porém, o rendimento médio feminino é 22,0% inferior em relação ao rendimento médio masculino; esta diferença era mais acentuada em 2001, tanto nos anos de estudo como no rendimento.

Palavras-chave: desigualdade; setor privado; funcionários públicos; renda dos empregados

Classificação JEL: D33; E25; I24


SCHOOLING AND DISTRIBUTION OF INCOME BETWEEN EMPLOYEES IN THE BRAZILIAN ECONOMY: A COMPARATIVE ANALYSIS OF THE PUBLIC AND PRIVATE SECTORS OF THE YEARS 2001 AND 2013

Abstract: The objective of this study is to analyze the influence of education on income distribution among employees in the public and private sectors in the Brazilian economy in 2001 and 2013. The methodology used is the decomposition of the Gini Index, both sources of income as by groups of work activities. We use the Stata software as a tool for processing the micro data released by the National Sample Survey of Households – PNAD / IBGE. It appears that between 2001 and 2013 there was a reduction in inequality of income distribution in the economy, the Gini index fell from 0.571 to 0.506. An increase in the concentration ratio in the civil service revenue, which is a regressive parcel; and there was a decrease in the concentration ratio of the income of
employees in the private sector, which is a portion of progressive income. It is detected, too, that women have more years of schooling than men, on average 1.3 years longer. However, women’s average income is 22.0% lower than the average male income; this difference was more pronounced in 2001, both years of study as in revenue.

Keywords: inequality; private sector; public workers; income employees

JEL Codes: D33; E25; I24


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-31, set-dez/2017

Download

ASSIMETRIAS DE INFORMAÇÃO, QUALIDADE E MERCADOS DA CERTIFICAÇÃO: A NECESSIDADE DE UMA INTERVENÇÃO INSTITUCIONAL

Autor(es): Alain Herscovici

Resumo: Neste trabalho, proponho-me a analisar as falhas dos sistemas de certificação privados a partir do conceito de assimetria da informação, da maneira como este foi desenvolvido por Akerlof, Grossman e Stiglitz. Esta análise pode ser aplicada a várias atividades sociais: meio ambiente, produção alimentar, sistema bancário, riscos financeiros e, de uma maneira mais geral, qualidade dos bens e dos serviços. A partir de uma concepção ampliada da qualidade, ressaltarei os mecanismos que permitem reduzir, de maneira substancial, esta incerteza; mostrarei igualmente porque um sistema
de certificação privada não fornece as condições necessárias à implementação de um sistema fiável. Finalmente, indicarei as modalidades de governança alternativa que deveriam permitir alcançar este objetivo.

Palavras-chave: assimetrias de informação; certificação; comportamentos oportunistas; bem-estar social; opacidade dos preços

Classificação JEL: D82; L15


ASYMMETRIES OF INFORMATION, QUALITY AND CERTIFICATION MARKETS: THE NECESSITY OF AN INSTITUTIONAL INTERVENTION

Abstract: This paper aims to analyze, from Akerlof, Grossman and Stiglitz´s works about information asymmetries, the role that the different mechanisms of certification may assume to reduce the uncertainty in relation with quality. Such mechanisms may be applied to various social activities: environment, financial system, food industry, evaluation of the financial risk, services and goods quality, and so on. From an extended conception of quality, I will highlight how a reliable system of certification may reduce such asymmetries, and I will demonstrate why a private system based on a market logic is not able to achieve such an objective. Finally, I will indicate the alternative modes of governance that enable to design a reliable system of certification.

Keywords: information asymmetries; certification; opportunistic behaviors; social welfare; prices opacity

JEL Codes: D82; L15


Rev. Econ. Contemp., v. 21, n. 3, p. 1-31, set-dez/2017

Download

ENCURTANDO AS DISTÂNCIAS: O USO DA PLATAFORMA DATAVIVA PARA IDENTIFICAR OPORTUNIDADES DE SOFISTICAÇÃO ECONÔMICA EM MINAS GERAIS

Autor(es): Fernanda Cimini Salles; Ivana Villefort de Bessa Porto; Elisa Maria Pinto da Rocha

Resumo: O Estado de Minas Gerais, conhecido por sua riqueza em recursos minerais, apresentou, durante a última década, trajetória de concentração de sua estrutura produtiva na direção de produtos de baixa complexidade econômica. O artigo oferece uma metodologia para a identificação de setores econômicos apropriados para a sofisticação da estrutura produtiva do estado, dadas as suas vantagens comparativas atuais. Para tanto, adotou-se uma estratégia bottom-up baseada na abordagem do Product Space (DataViva): partindo da complexidade dos produtos exportados foi possível identificar segmentos econômicos com potencial para aumentar a complexidade da economia mineira sem desconsiderar as capacidades produtivas existentes. São eles: produtos biotecnológicos e produtos da indústria mecânico-elétrica.

Palavras-chave: complexidade econômica; sofisticação econômica; mudança estrutural; auto-descoberta; Product Space

Classificação JEL: O20; O30; O54


SHORTENING DISTANCES: THE USE OF THE DATAVIVA PLATFORM TO IDENTIFY OPPORTUNITIES FOR ECONOMIC SOPHISTICATION IN MINAS GERAIS

Abstract: The State of Minas Gerais, known for its mineral resource wealthy, has presented a trajectory of concentration on low complexity products. This article presents a methodology for the identification of economic segments suitable for the sophistication of the productive structure of the state, given its current comparative advantages. To do so, the paper proposed a bottom-up strategy based on the Product Space (DataViva): starting from an analysis of the complexity of the goods exported by the state, it was possible to identify two economic segments with the potential to increase the complexity of Minas Gerais’ economy: biotechnological products and products of the mechanical-electrical industry.

Keywords: economic complexity; economic sophistication; structural change; self-discovery; Product Space

JEL Codes: O20; O30; O54